terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Top 10- Músicas sobre trem

Resolvi reunir aqui minhas músicas preferidas sobre o meu meio de transporte preferido. Nem todas as músicas têm a temática exclusiva de trens, mas em todas o trem aparece pelo menos para dar um toque de saudade e melancolia. Quem me conhece sabe que meu gosto musical não é dos mais refinados, mas a boa notícia é que o Bonde do Tigrão, apesar de ser bonde, não aperece na lista. Turum tum tsss...

As músicas estão com o nome dos intérpretes, porque o blog é meu e buscar compositor dá trabalho.

10- O Rodo Cotidiano (Rappa e Maria Rita)

Como toda música do Rappa, fica difícil saber do que se trata a letra, mas depois que descobri gostei. A música reflete bem o que é um trem urbano no Brasil.

Sou mais um no Brasil da Central
Da minhoca de metal que corta as ruas
Da minhoca de metal
É... como um concorde apressado cheio de força
Que voa, voa mais pesado que o ar
E o avião, o avião, o avião do trabalhador


9-  Naquela Estação (Adriana Calcanhoto)


Não tenho muita paciência para a lentidão da música, mas a letra é bonita e dedicada à despedida típica da plataforma da estação.


Você entrou no trem
E eu na estação
Vendo um céu fugir
Também não dava mais
Para tentar
Lhe convencer
A não partir..






8- Seguindo no trem azul (Roupa Nova)


Apesar de não falar muito de trem, a música é bonitinha.


Toda vez que for assoviar
A cor do trem
É da cor que alguém fizer
E você sonhar




7- Trem das Onze (Adoniram Barbosa)


Certamente a música de trem mais conhecida, ainda que a referência ao trem seja pequena na letra.


Moro em Jaçanã
Se eu perder esse trem
Que sai agora às onze horas
Só amanhã de manhã




6- Maria Fumaça (Kleinton e Kledir)


A música parece teatral ou mesmo infantil. Os sons fazem você se sentir dentro da maria-fumaça.

Essa Maria Fumaça
É devagar quase parada
Oh seu foguista
Bota fogo na fogueira
Que essa chaleira
Tem que tá até sexta-feira
Na estação de Pedro Osório




 5- Mala Amarela ( Zé Henrique e Gabriel) A versão original creio ser de Mocóca e Paraíso

Em lista de música sobre trem não poderia faltar música caipira. Acho esta linda. Impossível ouvir esta canção e não sentir saudade de um tempo que já se foi.

Era 4:30, passava um pouquinho
E um fosco clarinho rasgava o varjão
Era o trem noturno, que vinha apontando
E logo parando na velha estação


4-  Trem das 7 (Raul Seixas)

A princípio não ia colocar esta música, mas no meio da seleção alguém gritou "Toca Raul" e tive que colocar.

Quem vai chorar, quem vai sorrir ?
Quem vai ficar, quem vai partir ?
Pois o trem está chegando, tá chegando na estação
É o trem das sete horas, é o último do sertão, do sertão


3- Trem do Pantanal (Almir Sater) 

Ouvi esta música ao vivo num show do Renato Teixeira. A sonorização de trem que fazem na introdução da música é espetacular. 

Enquanto este velho trem atravessa o pantanal
Só meu coração está batendo desigual
Ele agora sabe que o medo viaja também
Sobre todos os trilhos da terra
Rumo a Santa Cruz de La Sierra



2- Idas e Voltas (Matogrosso e Mathias) 

A música fala de uma paixão da infância que se foi. Na minha opinião, tem um dos versos mais lindos da música caipira. Matogrosso e Mathias estão entre as vozes mais bonitas do sertanejo.

Veio nos trilhos do tempo o trem do destino
E foi te levando por outros caminhos
Deixando-me aqui na estação solidão
E nessas idas e voltas da minha saudade
Perdi o endereço da felicidade
Fiquei prisioneiro da recordação
.




1-  Encontros e Despedidas (Maria Rita)

Nenhuma música soube expressar tão bem o que se passa na plataforma de uma estação de trem. O ritmo e a letra transportam diretamente para uma estação e permitem visualizar tudo o que acontece com a chegada do trem.

São só dois lados
Da mesma viagem
O trem que chega
É o mesmo trem da partida
A hora do encontro
É também de despedida
A plataforma dessa estação
É a vida desse meu lugar




Agora já temos 10 músicas sobre trem para participar do desafio musical do Qual é a Música! Espero que tenham gostado. Provavelmente faltou alguma boa, que terei o maior prazer em adicionar aqui. 

Como faixa bonus, aqui vai uma instrumental, de Heitor Vila Lobos.

O Trenzinho do Caipira



Acrescento aqui uma sugestão do meu amigo André Makarenko. Uma verdadeira poesia de Caetano Veloso.


E aqui, trem das cores

Sábios projetos:
Tocar na central
E o céu de um azul
Celeste celestial



Nova contribuição, agora do Dylan, amigo de infância e que me deu a dica deste samba. Essas estações de trem do Rio de Janeiro são cheias de histórias, marcaram a vida e o desenvolvimento das regiões em que foram construídas. Ai vai, Geografia Popular, de Beth Carvalho:

Vou seguindo a trajetória
Mas o trem tá muito lento
E a parada obrigatória, onde é?
No Engenho de Dentro

5 comentários:

  1. falou e disse presidente
    falou e disse!
    com tempo vou ouvir todas - mas tem umas pérolas mesmo aqui!
    abraços PC

    Pedro Ernesto

    ResponderExcluir
  2. Você esgotou o cancioneiro brasileiro! Não consigo me lembrar de outra música com a palavra trem. Aliás, uma das melhores coisas de ser mineiro, é utilizar "trem" pra qualquer negócio! "Pega esse trem aí!" Mas não é analogia doida da cabeça de mineiro não. É só redução da palavra "terém", que está dicionarizada!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom!!
    Tem uma música que o João Gilberto "tenta cantar" chamada Trenzinho que tem uma letra bonita!!!

    L F N Bogado

    ResponderExcluir
  4. faltou trem de ferro de Tom Jobim poema de Manuel Bandeira sonorizado por Tom linda musica

    ResponderExcluir
  5. faltou trem de ferro de Tom Jobim poema de Manuel Bandeira sonorizado por Tom linda musica

    ResponderExcluir